O que é avaliado na análise de crédito do Empréstimo Consignado?

bxblue-o-que-e-avaliado-na-analise-de-credito-do-emprestimo-consignado

Contratar um empréstimo costuma ser um processo bastante burocrático. Afinal, as instituições financeiras não conhecem seus clientes e precisam se assegurar de que receberão as parcelas. E para isso, fazem a análise de crédito.

Desta forma alguns requisitos são cobrados e muitos cidadão não conseguem pedir empréstimos comuns. Seja por restrições financeiras, dificuldades em comprovar renda ou, até mesmo, dados e informações pessoais conflitantes.

Segundo a pesquisa do cenário de empréstimos no Brasil, realizada em 2018, pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil),  22,7% dos consumidores brasileiros contrataram algum empréstimo nos últimos 12 meses.

De acordo com essa mesma pesquisa, 45,5% das pessoas que não conseguiram um empréstimo dizem que o motivo são as restrições ou o valor solicitado maior que o limite disponível pela renda.

Na data da entrevista, 21% dos entrevistados disseram ter feito o pedido de empréstimo nos últimos 3 meses. Destes, mais da metade teve seu pedido negado (12%). 

Mas como, então, a população consegue limpar o nome e solucionar suas emergências e pendências financeiras sem a possibilidade de acesso ao crédito?

Bom, a grande aposta dos Aposentados, Pensionistas, Servidores Públicos, Militares e Trabalhadores CLT que precisam tomar um empréstimo é o crédito consignado.

Mas os bancos não realizam uma análise de crédito para a categoria de consignados?

A resposta para o questionamento anterior é: sim, é realizada uma análise de crédito em todas as categorias de empréstimo, inclusive no consignado.

A análise de crédito, portanto, é fundamental para verificar se o tomador está apto a contrair aquela dívida. E, claro, quitá-la no decorrer dos meses de contrato.

Nos empréstimos comuns essa verificação nem sempre garante o pagamento correto das parcelas.

Mas, no crédito consignado – tanto o empréstimo, como o cartão – o tomador não tem a possibilidade de não pagar, pelo menos parcialmente, as parcelas e fatura.

Esse fato possibilita uma série de benefícios que não são disponibilizados nos empréstimos comuns. Como, por exemplo:

Bom, mas se no empréstimo consignado o tomador tem as parcelas debitadas automaticamente dos seus recebimentos por que e como é feita a análise de crédito? Confira!

Como é realizada a análise de crédito no Empréstimo Consignado?

Ao fazer o pedido de empréstimo consignado alguns dados serão solicitados, tanto para aqueles que fazem o pedido na própria agência quanto para quem busca terceirizados.

Afinal, o empréstimo consignado aborda algumas categorias de Trabalhadores, Aposentados e Pensionistas. E existem algumas variações de taxas, prazos e limites dependendo da ocupação do tomador.

Para realizar uma simulação de crédito, por exemplo alguns dados são solicitados, como RG, CPF, nome completo e categoria do empréstimo.

Após a simulação, o banco solicita alguns documentos para conhecer melhor o tomador e analisar o pedido de valores e prazos.

Quais documentos são necessários para a análise de crédito?

Como no caso do empréstimo consignado há a necessidade de comprovação de renda fixa, além dos documentos pessoais mais básicos, é preciso apresentar o comprovante financeiro e de endereço.

É preciso ficar atento às exigências do bancos, para que a análise de crédito possa ser realizada sem problemas. Outro motivo muito importante, neste caso, é evitar fraudes, como orienta o analista de crédito Flávio Gomes:

Apesar de ser menos burocrático, o processo de análise do crédito do empréstimo consignado precisa atender alguns pré-requisitos para segurança do próprio contratante

Portanto, saber quais são esses documentos e disponibilizá-los, quando solicitado, pode ajudar a antecipar a liberação do dinheiro.

Saiba agora, quais são os documentos mais comuns:

Documentos pessoais

A primeira categoria é a dos documentos pessoais. Afinal, o banco precisa conhecer o solicitante, comprovar sua existência e gerar o contrato que irá celebrar essa negociação financeira. 

RG, CPF ou CNH

Normalmente, os bancos, instituições solicitam uma cópia do documento de identificação pessoal com foto. Pode ser o RG ou CNH, e, caso o CPF não esteja presente nestes documentos o solicitante deve apresentar uma cópia também.

Mesmo quando um empréstimo é solicitado em um correspondente bancário, os documentos costumam ser os mesmo, uma vez que, o contrato é celebrado direto com a instituição financeira.

Lembrando que as cópias devem estar inteiramente legíveis, sem cortes ou deformações.

Documentos financeiros

A finalidade da apresentação de documentos financeiros é para o banco possa entender que o solicitante tem residência fixa e pode comprovar renda, para contratar aquele empréstimo.

Em outras palavras, o banco também precisa de algumas garantias, mesmo no caso do empréstimo consignado que tem suas parcelas descontadas direto do salário ou benefício INSS.

Comprovante de residência

A grande dúvida sobre o documento de comprovante de residência é:

Quais deles são realmente aceitos como comprovante para os bancos?

Geralmente, são aceitas contas fixas e comprovantes de consumo atualizados, ou seja, que datam de até 90 dias anteriores à data de apresentação.

Entre eles, os principais comprovantes são:

  • Conta de água;
  • Conta de luz;
  • Conta de gás;
  • Conta de telefone fixo, internet ou celular;
  • Conta de TV a cabo;
  • Carnê ou boleto do IPTU do ano vigente;

É preciso que o comprovante esteja no mesmo nome do titular do empréstimo. Do contrário, é preciso avaliar com as instituições em quais condições os demais documentos são aceitos.

Comprovante de renda

Este documento pode ser a via do tomador ou, em caso de necessidade, este pode solicitar o comprovante no órgão pagador.

É possível também imprimir o último holerite online. Muitas instituições possuem sites próprios e com acesso exclusivo para seus funcionários. As prefeituras, por exemplo, disponibilizam essa área reservada para emitir segunda via do holerite. O Portal do INSS, para Aposentados e Pensionistas, também tem essa opção.

Alguns bancos também aceitam comprovantes de movimentação bancária. Vale a pena, confirmar os documentos necessários antes de iniciar a análise de crédito.

Quais critérios são avaliados?

A análise de crédito do empréstimo ou cartão de crédito consignado é utilizada para que o banco compreenda o perfil o valor do limite de crédito a disponibilizar, assim como os prazos, taxas e valor das parcelas, em função de cada tipo de convênio atendido.

Os critérios avaliados na análise de crédito, portanto, são de conferência.

Veracidade dos dados informados

O banco analisará se os documentos pessoais e financeiros são reais e verdadeiros. Ou seja, em caso de existir algum tipo de irregularidade o crédito pode ser negado e se aplicada alguma fraude, a pessoa que disponibilizou as informações pode responder criminalmente.

Tipo de convênio

Esta é uma análise que pode surpreender algumas pessoas. A categoria na qual o solicitante está incluso deve ser consignável. Ou seja, permitir o desconto em folha de pagamento.

Portanto, a empresa pagadora precisa ter convênio com o banco e os benefícios recebidos devem estar na lista dos aprovados para a consignação.

Vale lembrar que o empréstimo consignado é uma consignação facultativa, e, portanto, opcional.

Disponibilidade de margem consignável

A margem é um limitador bastante importante no caso da análise de crédito do empréstimo consignado. Tanto para garantir a saúde financeira do tomador quanto para a própria economia. Afinal, ao contratar parcelas altas, o solicitante poderia deixar de quitar outras contas e dívidas.

A margem consignável para Aposentados, Pensionistas, Servidores Públicos, Militares e Trabalhadores CLT, é de 35%. E desse valor, 30% para é destinado ao(s) contrato(s) de empréstimo(s) consignado e 5% para faturas de cartão de crédito consignado

Em caso de não ter margem consignável disponível, o interesse pode optar pelo refinanciamento ou portabilidade de crédito. Essas alternativas podem trazer benefícios como liberação de margem, acesso a crédito mais barato, dentre outros.

O que fazer se o Crédito Consignado for negado?

Mesmo sendo um processo simples e sem burocracia o pedido de empréstimo consignado pode ser negado por diversos motivos.

E entre as principais razões está a divergência de informações. E com isso, a análise de crédito é atrasada ou reprovada. Veja então, o que fazer caso o pedido de empréstimo consignado seja negado.

Confirmar as informações disponibilizadas

Antes de entregar pessoalmente ou de encaminhar digitalmente para análise do bancos as informações solicitadas, é necessário confirmá-las, para garantir que estão corretos.

Assim, fazer a conferência pode otimizar o tempo e a resposta da análise de crédito. Os motivos comuns das reprovas de documentos são:

  • Cópias ilegíveis;
  • Comprovante com mais de 90 dias;
  • Comprovante que não esteja nas categorias mencionadas;
  • Documentos desatualizados;
  • Etc.

Saber, portanto, o que é necessário e porque os bancos geralmente reprovam alguns documentos, é um dos primeiros e mais importantes passo para contratação do empréstimo consignado.

Entrar em contato com o banco ou correspondente bancário

Ao perceber qualquer erro no envio das informações, o interessado deve informar o banco ou correspondente bancário. Essa é a forma mais prática para corrigir ou disponibilizar novas vias, antes de ser notificado.

Se não for possível antecipar essa demanda, é preciso atender as exigências solicitadas pelos bancos.

Como toda reprovação de crédito deve ser justificada, é possível saber se é e o que é necessário corrigir ou providenciar.

Disponibilizar novas vias dos documentos

Normalmente, o banco pedirá novas vias dos documentos fornecidos, conforme necessidade. É extremamente importante que o tomador cumpra essa etapa com calma e planejamento.

Não há nenhuma regra quanto ao número de análise de crédito. No entanto, é recomendável fazer correto da primeira vez.

Como fazer uma simulação de Crédito Consignado online?

Para contratar um empréstimo consignado ainda hoje, o interessado deve primeiro realizar uma simulação e comparar os benefícios de cada banco para a sua categoria.

Essa simulação ou análise de crédito (quando os documentos são disponibilizados), pode ser realizada presencialmente (agências bancárias) ou online.

A vantagem em fazer o processo online é pesquisar e comparar diferentes propostas de crédito, além de ganhar tempo entre a análise, aprovação, averbação e liberação do crédito na conta indicada.

Com o simulador de empréstimo consignado online obter o crédito desejado é muito prático, rápido e seguro! Em poucos cliques já é possível fazer a solicitação e os documentos podem ser encaminhados em formato digital. 

Pesquise, encontre, simule e compare e contrate seu empréstimo consignado online.

 

Quer fazer um empréstimo consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o consignado que você está precisando! Compare propostas de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu consignado

O que é avaliado na análise de crédito do Empréstimo Consignado?

Posts recomendados