O que é e como funciona a Enap? Conheça as oportunidades

enap - escola, estudo, estudo online, aperfeiçoamento, educação, curso

Publicado em: 27/07/2021

A Enap (Escola Nacional de Administração Pública) é uma das mais respeitadas think tanks do mundo, com uma ampla arquitetura intelectual focada em tecnologia. Think tank é uma instituição que atua com a produção de estudos, análises e pesquisas que contribuam para políticas públicas. Assim, a Enap produz soluções de TI e oferece serviços para aprimorar a qualidade do setor público dentro de seu âmbito de atuação.

Entre os produtos de seu portfólio se destacam os cursos de expertise em inteligência de dados. Além deles, a Enap desenvolve plataformas digitais para a transmissão online do conhecimento.

Em julho de 2021, a Enap atingiu novo recorde e chegou à marca de 4 milhões de inscrições, sendo que cerca de 60% do total foram efetuadas a partir de março de 2020 – início da pandemia da covid-19.

A Enap reproduz um modelo de composição do quadro de professores que segue preceitos internacionais. Por essa razão, o corpo docente da Escola Nacional é flexível. Ou seja, uma parte pertence à entidade educadora de modo fixo, enquanto a outra é rotativa.

Dessa forma, a entidade realiza processos seletivos públicos para recrutar os nomes mais respeitados do mercado de trabalho, do universo acadêmico e do terceiro setor.

Por tudo isso, a Enap é considerada uma excelente porta para o aperfeiçoamento profissional na Administração Pública. Saiba mais sobre a Escola e as oportunidades que ela oferece.

Receba novidades por e-mail.
Erro ao enviar, tente novamente.

Qual é a missão da Enap?

Subordinada ao Ministério da Economia, a Escola Nacional tem como propósito capacitar equipes de órgãos públicos. Para isso, ela utiliza métodos que estimulam o progresso do servidor dentro da chamada cultura de inovação.

Com sede em Brasília, a Enap foi fundada em 1986 e desde então vem provocando profundas transformações nas questões de Educação, de Gestão Organizacional e de Tecnologia.

Quais são os principais parceiros da Escola Nacional?

A Enap mantém parcerias com instituições de dentro e fora do país, sempre vinculadas ao mundo acadêmico e à comunidade científica. Com essa rede de contatos, a Escola Nacional consegue proporcionar cursos customizados, seminários, workshops e pesquisas com especialistas de todo mundo.

A lista de “instituições-amigas” é composta por oito embaixadas:

  • Dinamarca
  • Espanha
  • Finlândia
  • Colômbia
  • Suécia
  • Reino Unido
  • Alemanha
  • França

Consequentemente, o órgão educador apresenta muitos programas interessantes de bolsas e de intercâmbio para profissionais — e não é só isso.

A Enap dispõe de cursos de pós-graduação para servidores interessados em elevar o seu aproveitamento no serviço público. Isso sem mencionar os convênios com instituições internacionais, entre as quais incluem-se:

  • Harvard Kennedy School;
  • Massachussets Institute of Technology (MIT);
  • Indiana University;
  • London School of Economics (LSE);
  • Universidade de Roma “Tor Vergata”;
  • German Development Institute;
  • Universidade de Illinois em Urbana-Champaign;
  • Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE);
  • Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Atualmente, a plataforma dispõe de 292 cursos e 29 certificações avançadas, ofertados por diferentes instituições, todos gratuitos e acessíveis a qualquer pessoa pela página na internet.

Segundo dados do Enap em Números, de 1º de março de 2020 até 1º de julho de 2021 foram registrados 2,3 milhões de inscrições em cursos, sendo 1,4 milhão em 2020 e outras 830 mil em 2021.

Perfil dos alunos

Conforme divulgado no site oficial da Enap, a maior parte dos alunos são da região Sudeste (39%), seguida pela Nordeste (23%), Centro-Oeste (16%), Sul (13%) e Norte (9%).

Além disso, as mulheres representam 57% de todos os participantes. Tradicionalmente, a maior parte dos alunos tinha entre 35 e 39 anos, tanto homens quanto mulheres.

Mas, durante a crise do novo coronavírus, o público feminino mudou: mulheres na faixa entre 20 e 24 anos passaram a responder pelo maior número dos alunos. Entre os homens, a faixa de idade se mantém a mesma desde 2018.

No acumulado dos últimos 15 meses (março de 2020 a junho de 2021), 47% das inscrições foram realizadas por pessoas sem vínculo com a Administração Pública e 35% por servidores públicos. 

O restante do público é formado por 10% de empregados públicos, 5% por militares e 3% por alunos oriundos do terceiro setor. Antes da pandemia, os servidores públicos representavam quase metade de todas as inscrições na plataforma.

Quanto à temática dos cursos, a mais procurada continua sendo a de Ética e Cidadania, seguida por Governo Digital e Transparência, Políticas Públicas Setoriais, Auditoria e Controle e Desenvolvimento Gerencial.  

Como participar dos cursos da Enap?

Os cursos da Enap na internet não incluem tutoria, mas são gratuitos. Também denominada de Escola Virtual.Gov (EV.G), a instituição não estabelece quantidade máxima de vagas. Em outras palavras, são aprendizados acessíveis, até mesmo para quem não é servidor público.

A seguir, entenda melhor como se inscrever para aproveitar todos os cursos disponibilizados por meio da Escola Nacional de Administração Pública.

Inscrição

O cadastro na Enap virtual é bem simples, sendo a plataforma bastante intuitiva.

Para se inscrever, o interessado deve acessar a página da EVG da Enap (https://www.escolavirtual.gov.br). Em seguida, é preciso clicar em “Catálogo de Cursos”, botão que fica à esquerda no alto da página.

Feito isso, o candidato verá uma coluna à esquerda com os temas de cursos da Escola Nacional — cada uma dessas áreas é ramificada em uma infinidade de cursos. Por exemplo: suponha que alguém escolha o primeiro tópico: “Dados, Informação e Conhecimento”. Nele, aparecerão os seguintes cursos:

  • Gestão do conhecimento no setor público;
  • Análises de Dados como Suporte à tomada de decisão;
  • Noções Gerais de Direitos Autorais.

Dessa forma, depois de encontrar um curso interessante, basta clicar no botão “Inscreva-se!” do curso desejado. Por fim, é só completar o cadastro utilizando informações pessoais de acesso como CPF e e-mail.

Por outro lado, quem ainda não é cadastrado na Enap virtual — normalmente porque vai fazer um curso pela primeira vez — é só digitar “inscreva-se” da mesma forma que os demais.

Depois disso, o sistema vai identificar que os dados ainda não foram logados e enviará um link para cadastramento no e-mail informado.

Certificação

Os cursos da Escola Virtual da Enap originam o envio de certificados gratuitos, que são disponibilizados de forma confiável e segura na página da Escola por meio de link específico.

Confira o passo a passo para retirar o comprovante de conclusão de curso:

  1. Acesse o site da Enap;
  2. Toque no botão “Entrar” no canto superior da tela;
  3. Identifique-se para entrar no sistema usando o mesmo login dos cursos da Enap;
  4. Na guia “Meus Certificados”, selecione o curso desejado e clique em “Gerar Certificado”.

Quais são os cursos de pós-graduação da Enap?

A Enap disponibiliza também diversos cursos de pós-graduação, com programações aderentes à realidade do mercado internacional e reconhecimento do MEC (Ministério da Educação).

O interessado pode, por exemplo, escolher uma especialização em Direito Tributário, que é, inclusive, uma área muito promissora para carreiras na iniciativa pública e privada. Acompanhe as opções de pós-graduação da Enap:

  • Especialização em Ciência de Dados aplicada a Políticas Públicas;
  • MBA em Pessoas, Inovação e Resultados;
  • Mestrado Profissional em Avaliação e Monitoramento de Políticas Públicas;
  • Mestrado Profissional em Governança e Desenvolvimento;
  • Doutorado Profissional em Políticas Públicas (DPPP).

Quais foram os números da gestão da Enap em 2020?

A Escola Nacional encerrou o ano de 2020 com 857.714 atendimentos, uma expansão de 111% em comparação ao mesmo período de 2019, principalmente pelo aumento da procura na EVG da Enap. Por causa da pandemia, mais servidores se capacitaram por meio dos cursos disponíveis na internet.

Assim, para acompanhar a nova demanda, houve migração da EVG da Enap para a cloud computing, o que trouxe mais escalabilidade e também maior proteção de dados.

Confira os números da Enap em 2020:

  • 9 projetos de inovação;
  • 1,6 milhão de inscrições;
  • 857.714 atendimentos;
  • 23 projetos para o Planejamento Estratégico da Casa Civil, com 17 secretarias beneficiadas;
  • 117 oficinas com 1.907 participantes;
  • 78 secretários estaduais e adjuntos capacitados em “Infraestrutura e Saneamento” e “Planejamento e Administração”;
  • 230 cursos EAD na plataforma EVG da Enap;
  • 32 parcerias com instituições de ensino estaduais.

A Enap trabalha para oferecer 300 novos cursos até 2022, legenda automática dos vídeos e cursos em outros idiomas.

Está previsto ainda o uso de inteligência artificial para ofertar capacitações de acordo com o perfil do usuário e a integração do sistema com novas plataformas de aprendizagem.

Veja também: quais as regras para participar de concursos públicos?


Para continuar a receber notícias em primeira mão sobre o funcionalismo público, você que é servidor público federal (SIAPE) pode se inscrever em nosso canal exclusivo. Se inscreva GRATUITAMENTE aqui para receber notícias selecionadas via WhatsApp.