O que é o Extrato CNIS ou Extrato Previdenciário? Veja pelo Meu INSS

Saiba o que é o Extrato CNIS ou Extrato Previdenciário e como acessá-lo pelo Meu INSS. Confira as contribuições e valores para aposentadoria.

bxblue - homem e mulher com tablet na mão, vendo informação - acesso ao extrato cnis extrato previdenciário pelo meu inss

CNIS é a sigla de Cadastro Nacional de Informações Sociais, que é um banco de dados do Governo Federal que registra informações trabalhistas e previdenciárias de todos os trabalhadores. Essas mesmas informações podem ser consultadas através do extrato CNIS.

Aproveite para saber mais sobre esse extrato e sobre a sua importância para quem já é beneficiário do Instituto Nacional do Seguro Social, o INSS, ou para quem ainda pretende se aposentar.

Saiba o que é o extrato CNIS ou extrato previdenciário

O extrato CNIS ou extrato previdenciário é um demonstrativo que relaciona todos os vínculos trabalhistas e previdenciários que constam no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS).

É por essa conferência que o INSS comprova todas as contribuições sociais vinculadas a um CPF (Cadastro de Pessoa Física). Esses valores são utilizados para o cálculo da aposentadoria, por exemplo. 

Informações que constam no CNIS

Que informações o extrato previdenciário tem?

O extrato CNIS contém informações como o nome do empregador, o período trabalhado e a remuneração recebida. Além disso, é por meio deste documento que os valores pagos, a partir da Guia da Previdência Social (GPS), também podem ser confirmados.

Embora muitas dessas informações constem no contracheque, holerite ou ainda na carteira de trabalho, é sempre recomendável consultar o que efetivamente foi pago ao INSS. 

Vale lembrar que a GPS refere-se aos recolhimentos recorrentes das contribuições sociais, então os pagamentos constam no sistema da Dataprev. 

Como acessar o extrato previdenciário (CNIS) pelo Meu INSS?

Como tirar o CNIS pela internet?

O beneficiário que já tem acesso ao Meu INSS pode acessar o extrato, no momento em que desejar ou necessitar. Seu acesso pode ser realizado tanto pelo computador, quanto por smartphones e tablets, a partir do site (https://meu.inss.gov.br/) ou do aplicativo Meu INSS, seguindo esse passo a passo:

  1. Passo 1: entre no Meu INSS e faça o login;
  2. Passo 2: busque pelo serviço “Extrato de Contribuições (CNIS)”;
  3. Passo 3: Pronto! As informações já estarão disponíveis na tela para consulta ou impressão.

Veja a seguir em detalhes cada etapa para saber mais sobre as contribuições previdenciárias.

Passo 1: acesse o Meu INSS

Entre no site ou aplicativo Meu INSS – que é o portal de serviços da Previdência Social que agrupa online diversos serviços gratuitos para os cidadãos.

bxblue - como acessar o meu inss online, pela internert - tela inicial de login no Meu INSS
Fonte: reprodução Meu INSS

Como esse serviço é autenticado, será necessário logar no perfil pessoal para ter acesso às informações. Ao clicar em “entrar com gov.br” serão carregadas as opções de credenciamento:

bxblue - meu inss, opções de acesso, login INSS
Fonte: reprodução Meu INSS

Os usuários têm a opção de se identificar com o CPF e senha cadastrada anteriormente, com o QR code, pelos bancos em que são correntistas e estão autorizados para essa integração ou com o uso dos certificados digitais.

O login no app Meu INSS ocorre da mesma forma. A única opção inativa é a do QR code, uma vez que é preciso ter o aplicativo instalado para seu uso.

bxblue - aplicativo meu INSS
Fonte: reprodução Meu INSS

O cidadão e/ou os segurados do INSS que ainda não tiverem a conta gov.br, podem criá-la no mesmo momento, pelo autoatendimento.

Assim que criada, a nova conta já pode ser utilizada para ingresso no Meu INSS e em outros serviços digitais do governo federal.

Quem já tem acesso ao Brasil Cidadão ou ao cidadão.br, pode entrar com os mesmos dados (o cadastro antigo ainda é válido). Basta inserir o CPF e a senha ou nova senha criada para conferir o extrato CNIS.

Passo 2: Busque pelo serviço

Use o recurso de pesquisa na página inicial e digite o serviço “Extrato de Contribuições (CNIS)”:

bxblue - extrato de contribuições previdenciárias - meu INSS
Fonte: reprodução Meu INSS

Passo 3: Pronto! Acesse seu Extrato Previdenciário

Estando logado, as informações do Extrato de Contribuição CNIS já serão disponibilizadas na tela para consulta ou impressão.

bxblue - extrato de contribuições detalhamento - meu inss
Fonte: reprodução Meu INSS

Ainda nesta seção, o segurado pode clicar nas opções “avaliar” ou “baixar PDF”. Na primeira opção, pode ser realizada uma avaliação do serviço sobre o serviço Extrato Previdenciário (CNIS). Para prosseguir, basta clicar em “avaliar agora” e aguardar o redirecionamento para a página https://www.servicos.gov.br.

Em seguida, abrirá uma nova tela em que será possível fazer a avaliação.

Ao clicar em “Baixar PDF” aparece uma aba em que é possível escolher entre a versão completa (com vínculos e remunerações) e a versão resumida (em que aparecem somente os vínculos) e clicar em “Continuar”.

O arquivo será salvo no seu computador ou smartphone, em formato PDF. Para ler o arquivo, é necessário ter um leitor PDF.

Esse programa é comum em todos os dispositivos, mas caso ainda não tenha, é possível fazer o download e instalação gratuitamente.

Entendendo o relatório

As empresas são identificadas pela Razão Social e CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica). Ao clicar em cada linha, os dados são expandidos:

bxblue - extrato de contribuições, cnis - meu INSS, detalhamento empresa
Fonte: reprodução Meu INSS

Início e fim se referem ao dia, mês e ano do início e término do vínculo empregatício com a empresa pesquisada. Como a contribuição previdenciária é mensal, deve constar como preenchida até o último recolhimento do imposto.

O salário é o salário-base do período pesquisado e o valor da contribuição irá corresponder com o percentual de acordo com cada tipo de filiação.

Simule seu empréstimo consignado

O que você quer descobrir?

Seu convênio:

Qual é a sua margem consignável?

Em quantas parcelas?

Em quantas parcelas?

Em quantas parcelas?

Empréstimo de até

R$

Proposta sujeita à confirmação de margem consignável

Como solicitar o extrato em uma agência INSS?

Para retirar o extrato CNIS em uma das agências INSS é preciso solicitar o agendamento do serviço antes. O agendamento para o atendimento presencial pode ser feito no Meu INSS em “Novo Pedido” ou pelo telefone 135.

Pela internet, o usuário deve logar em sua conta privada novamente, clica em “Novo Pedido” e preencher um novo requerimento.

Extrato Previdenciário (CNIS) – Atendimento Presencial

Esse serviço é destinado exclusivamente para pedir o documento que mostra todas as contribuições previdenciárias registradas no Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS) no nome do beneficiário.

O relatório irá destacar:

  • nome da empresa/empregador;
  • o período trabalhado;
  • a remuneração/salário recebido; e
  • as contribuições realizadas em carnê, Guia da Previdência Social (GPS) e como prestador de serviço (GFIP/e-social).

Por regra, é proibido fazer agendamento fictício ou ocupar a agenda indevidamente.

O pedido preenchido online pode exigir ainda o envio de anexos na plataforma. O requerente deve digitalizar os documentos solicitados.

O formato aceito é PDF, colorido e com qualidade de 150 DPI. Quanto ao tamanho máximo do(s) arquivo(s), estes não podem exceder 5MB individualmente e nem 50MB em conjunto.

Retirada

O atendimento em uma das unidades da Previdência Social só será realizado para o titular do benefício ou seu procurador devidamente identificado.

Assim, no dia e horários marcados o solicitante, procurador ou representante deve apresentar um documento com foto.

Por que conferir o extrato CNIS é tão importante?

Como a consulta ao CNIS pode ser realizada a distância e a qualquer momento, é recomendado conferir essas informações sempre que possível. Entenda os principais motivos, de forma muito clara e objetiva:

1 – Conferência da contribuição social

Todas as contribuições realizadas devem constar no extrato CNIS. Do contrário, é necessário avaliar porque os valores não foram pagos.

Se a empresa descontou o valor do holerite e do salário, mas não recolheu a GPS, pode ser acionada junto a justiça. A dívida previdenciária será calculada com o valor presente e, portanto, além do valor devido anteriormente será acrescido de multas e encargos adicionais.

Os contribuintes individuais que não fizerem o pagamento na data do vencimento ou que deixaram de recolher a GPS durante um período, devem consultar um contador de sua confiança.

2 – Aprovação do benefício

A aposentadoria assim como o acesso aos demais benefícios previdenciários é um direto. No entanto, existem alguns pré-requisitos que são necesários, da parte do futuro segurado.

Dependendo do tipo de benefício pleiteado é preciso ter idade e/ou tempo de contribuição mínimos, por exemplo. Por conta disso, acompanhar se o pagamento das contribuições está regular traz mais segurança.

Tanto a aposentadoria quanto os demais benefícios só são aprovados, quando cumpridas as exigências.

3 – Valor da aposentadoria

As alíquotas previdenciárias são aplicadas sobre o salário de cada indivíduo e têm faixas específicas. O valor muda conforme o tipo de contribuição, ou seja, perfil do contribuinte.

Não só o recolhimento é importante. Ter ciência sobre esse valor é saber também que isso interfere diretamente no valor do benefício que será emitido.

Logo, conferir frequentemente o extrato CNIS pode ajudar na confirmação dos pagamentos, bem como estima ainda o valor do benefício futuro.


Saiba tudo de empréstimo consignado e confira dicas para organizar sua vida financeira no canal da BX Blue no YouTube: inscreva-se gratuitamente aqui.


Redação BX Blue

Redação BX Blue

Somos especialistas em empréstimo consignado e focados em divulgar informações úteis para as suas finanças.

Quer fazer um empréstimo consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o consignado que você está precisando! Compare propostas de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu consignado