Como pagar a fatura do Cartão de Crédito Consignado?

A fatura do cartão de crédito consignado pode ser quitada de duas formas:

  1. automaticamente com o desconto em folha de pagamento: quando o limite está dentro da margem consignável;
  2. via boleto bancário: quando a parcela mensal é superior ao valor da margem consignável.

Dessa forma, pode ocorrer, portanto, do titular ter dois descontos ou pagamentos dentro do mês. Vale lembrar que, o pagamento da fatura é opcional. No entanto, se o valor adicional não for quitado, entrará no crédito rotativo e será incluído na fatura do mês seguinte.

Saiba como pagar a fatura do seu cartão consignado e ficar com as contas em dia.

Como a fatura do Cartão Consignado pode ser paga?

O boleto emitido pelos bancos é uma cobrança convencional, como a de outros cartões, emitida no nome do titular.

Ao receber o documento pelo Correio ou e-mail, o titular deve sempre conferir suas informações pessoais (como nome e CPF) e informações financeiras (como nome do banco, valor devido e valor da cobrança mensal).

Outra informação importante é a data de vencimento da fatura. Se quitado dentro do prazo, o valor será o mesmo. Do contrário, o valor pode ser alterado e está sujeito à cobrança de taxas de juros adicionais e/ou juros por mora.

Leia tambémEntenda a fatura do Cartão de Crédito Consignado

Veja as opções para pagar a fatura do cartão de crédito consignado.

1 – Caixas eletrônicos

Por se tratar de uma fatura convencional que tem um código de barras, a fatura do cartão pode ser quitada em um caixa eletrônico ou autoatendimento.

Como pagar:  para pagar a fatura no caixa eletrônico, é necessário acessar a conta desejada, de onde o valor será debitado e informar o código de barras do boleto. Neste caso, a conta não precisa estar no mesmo nome do titular do cartão. Ou seja, qualquer pessoa pode pagar o boleto.  

Comprovante: o comprovante de pagamento será impresso e deve ser mantido junto a conta. 

2 – Bancos ou lotéricas

Se preferir, o pagante também pode quitar o boleto até o seu vencimento em bancos ou lotéricas, de qualquer localidade. 

Como pagar: o pagante deve apresentar o boleto original ou o código de barras recebido e referente aquela conta. O valor pode ser pago em dinheiro ou cartão de débito, dependendo do tipo de operação aceita em cada estabelecimento.

Comprovante: o comprovante de pagamento será impresso e deve ser mantido junto a conta. 

3 – Internet banking

O usuário também pode optar por pagar a fatura do cartão consignado pelo internet banking ou banco online.

Como pagar: o boleto pode ser quitado normalmente na opção “pagar contas” ou “fazer pagamento”. Essas opções podem variar de banco a banco, então é necessário procurar a opção de pagamento e informar o código de barras.

Comprovante: o comprovante de pagamento pode ser impresso e/ou salvo em formato digital. Embora o pagamento conste no extrato bancário, é recomendável salvá-lo em um local de fácil acesso, para consultar sempre que preciso.

Boletos vencidos

Os pagamentos fora do prazo podem ser realizados, geralmente, com o mesmo boleto e serão acrescidos de multas. Esse valor pode ser cobrado no ato da cobrança ou ainda na próxima fatura.

Os boletos vencidos podem ser recebidos em qualquer banco ou correspondente (lotérica, por exemplo), conforme nova lei de 2018. Assim, se um boleto do cartão de crédito consignado do banco BMG estiver vencido, o titular pode quitá-lo em qualquer outro banco, não precisando ser nas lojas próprias.

Boletos não recebidos

O titular do cartão que tiver gastos acima da margem consignável de 5%, quiser quitá-los e não receber o documento, deve entrar em contato direto com o banco, para fazer a solicitação do código de barras para pagamento.

O não recebimento da fatura do cartão não elimina a sua quitação. Ou seja, mesmo que não receba, se não quiser entrar no crédito rotativo, o usuário deve pagar por outra forma.

Vale lembrar também que os atrasos podem ser cobrados no momento do pagamento ou serão acrescentados na próxima fatura.

Saiba agora por quanto tempo arquivar o seu comprovante de pagamento da fatura do cartão consignado, é preciso 

Por quanto tempo arquivar o comprovante de pagamento da fatura?

É sempre muito indicado arquivar as contas e comprovantes por determinado tempo. Isso pode impedir, por exemplo, cobranças indevidas ou em duplicidade. Outa vantagem é ter mais tranquilidade em relação ao fato de manter o controle financeiro.

Embora não seja regra, as faturas e os comprovantes de pagamento devem ser guardados por um ano, no mínimo. No caso do desconto automático, o comprovante é o próprio extrato do benefício INSS ou contracheque. 

A fatura e a comprovante deve ser apresentados para contestação, quando necessário. 

Utilizar e pagar a fatura do cartão de crédito consignado é muito fácil! A começar que, se os gastos forem mantidos dentro da margem consignável, o valor é quitado automaticamente. Se o gasto for maior, o boleto pode ser pago também de forma muito simples, em qualquer agência bancária, lotérica ou banco pela internet.

Mantenha suas contas em dia e tenha limite de crédito disponível quando precisar!

 

Quer fazer um cartão de crédito consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o cartão de crédito consignado que você está precisando! Compare propostas de cartão de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu cartão de crédito consignado

Qual será o aumento do salário mínimo em 2020? NEWS | Servidores Federais já começam a bater ponto
  • Consulte por temas

  • Você também vai gostar de