O que NÃO fazer quando for contratar um Empréstimo Consignado

bxblue-o-que-nao-fazer-quando-for-contratar-um-emprestimo-consignado

Uma dúvida comum de quem quer contratar um empréstimo é: “o que não fazer quando for contratar um empréstimo consignado?”

Confira essas 9 dicas para conseguir contratar a melhor opção de crédito para o seu bolso!

Existe alguma coisa que não pode ser feita ao contratar um empréstimo consignado? 

A resposta é sim, e para isso essa lista com dicas indispensáveis. Afinal, quem quer contratar um empréstimo consignado não quer ter dor de cabeça.

Leia também: O que é Crédito Consignado

E, de maneira geral, isso ocorre por falta de conhecimento ou pressa para encontrar uma solução. E, sem planejamento, muito erros podem ser cometidos nesse percurso – e levar a muitos prejuízos.

Confira agora quais são as recomendações dos especialistas financeiros, sobre o que não fazer quando for contratar um empréstimo consignado.

1 – Não ter um objetivo claro para uso do dinheiro

A primeira pergunta que deve ser feita é:

Preciso mesmo de um empréstimo?

Por se tratar de um empréstimo menos burocrático, sem consulta ao SPC/Serasa e com baixas taxas de juros, o crédito consignado se tornou uma opção fácil e prática.

Entretanto, emprestar dinheiro de um banco ou instituição financeira é indicado em casos de real necessidade.

Em caso de emergências ou para complemento do valor necessário para qualquer tipo de objetivo, o dinheiro extra é bem-vindo e desejado.

Mas o cuidado, para não se endividar é, justamente, manter um planejamento financeiro mínimo com entradas e saídas. Caso contrário, o tomador corre o risco de não controlar suas dívidas e despesas.

Leia tambémComo o Empréstimo Consignado pode ajudar a lidar com as dívidas?

Uma vez definida a necessidade de dinheiro adicional e tendo um planejamento financeiro, outra dica do que não fazer quando for contratar um empréstimo consignado é: contratar mais do que precisa.

Acredite! Saber o valor necessário, pode fazer uma grande diferença. No fim do bolso e equilíbrio financeiro.

2 – Contratar mais do que precisa

O primeiro erro é tido também como um dos mais frequentes. O mais indicado ao contratar um empréstimo consignado é que o tomador já tenha calculado o valor que precisa

Em outras palavras, isso irá indicar quanto será necessário. Assim não há o risco de solicitar menos do que é preciso ou muito mais.

Manter uma margem para emergências é seguro, mas é importante lembrar que todo valor emprestado será cobrado.

O valor total da dívida, também conhecido como Custo Efetivo Total (CET), é o que será pago em parcelas, dividido pelo tempo de contrato.

Pode parecer lógico, mas muitos Aposentados, Pensionistas, Funcionários Públicos e de empresas privadas ainda fazem um empréstimo consignado, sem se programar para o que vem depois.

Leia também: Quem pode contratar o Empréstimo Consignado?

Um dos riscos de contratar mais do que precisa, sem necessidade, é comprometer a margem consignável por mais tempo. 

A dica, portanto, é: faça as contas e contrate o valor que é preciso para que a situação atual seja resolvida. Simule os prazos de pagamento e os valores de cada parcela. Assim, ficará mais fácil entender como se comportará sua renda mensal.

3 – Esquecer de deixar uma porcentagem de reserva

Mais da metade das pessoas esquecem da porcentagem de reserva ao contratar um empréstimo consignado. Para o tomador basta reservar a parcela do empréstimo e manter todos os outros gastos e responsabilidades.

Mas comprometer toda a reserva financeira é um risco muito grande. O indicado é que se mantenha de 5 a 10% da renda livre para eventuais emergências.

Dessa forma o tomador do empréstimo evita entrar em um ciclo de empréstimos a cada ocorrência fora do seu planejamento.

4 – Contratar por impulso no primeiro banco

Comprar por impulso nunca é um bom negócio. Com o empréstimo consignado este equívoco é ainda pior e medido por pontos percentuais.

Apesar de existirem normas específicas para o empréstimo consignado, os bancos podem seguir algumas diretrizes próprias. 

Dessa forma podem ocorrer diversas variações em relação a:

  • Prazo máximo de contrato permitido;
  • Taxas de juros;
  • Custo Efetivo Total;
  • Limite de idade;
  • Benefícios;
  • Entre outras.

Por isso é importante simular o empréstimo consignado com as melhores instituições para poder analisar cada proposta, com cuidado. 

5 – Não pesquisar as taxas de juros

As taxas de juros do empréstimo consignado são reguladas por um teto. No entanto,  podem variar de um banco para o outro.

A taxa média pode variar entre 1,55% ao mês até 2,08% ao mês. Essa até pode parecer uma variação percentual pequena, mas e na prática?

Se um beneficiário INSS, por exemplo contratar R$ 2.000, a uma taxa de juros de 2,08% ao mês em doze meses as parcelas serão de R$ 190,05.

Já se as taxas forem de 1,55% ao mês, o valor mensal pago, considerando apenas as taxas e parcelas fixas, seria de R$ 183,93.

Em 12 meses o total pago a mais é de R$ 73,44. Isso geralmente ocorre devido ao impulso de escolher o primeiro banco.

Esses valores podem ser ainda maiores se considerado o Custo Efetivo Total (CET).

6 – Não ler a proposta e contrato quando for contratar um empréstimo

Essa é uma regra que vale ao contratar qualquer empréstimo, seja ele consignado ou não. 

A legislação determina que a instituição bancária deve avisar anteriormente sobre todos os custos e normas existentes no contrato. É uma obrigação do banco, portanto, ser transparente com o cliente. Mais do que isso, é uma obrigação!

Leia também: Quais são os Direitos e Deveres de quem contrata empréstimo consignado

Portanto, a recomendação é para que o cliente, sempre leia o contrato por inteiro de maneira crítica.

E qualquer dúvida ou contestação deve ser feita antes da assinatura.

7 – Fazer empréstimo para terceiros

O empréstimo consignado tem algumas restrições sobre os convênios atendidos. Assim, não são todos os grupos de pessoas que podem fazer esse tipo de empréstimo.

Mesmo entre os grupos atendidos, também pode haver restrição, como é o caso de alguns benefícios INSS.

Diante disso, é bastante comum, portanto, que filhos, netos ou parentes queiram aproveitar as baixas taxas de juros cobradas nesta modalidade.

Leia também: 5 razões para não contratar Empréstimo Consignado para terceiros

Mas essa estratégia é altamente desaconselhável. Afinal, a dívida e os descontos mensais estarão no nome do tomador.

Fazer empréstimo para terceiros pode levar a outros riscos não considerados antes, como o não reembolso do valor descontado direto do contracheque. Isso, para não falar de outras consequências pessoais como o desgaste das relações. 

8 – Pagar qualquer valor antecipado

Infelizmente os golpes do empréstimo consignado ainda são aplicados com frequência. Por isso, todo interessado nesta modalidade deve antes, pesquisar muito bem sobre a instituição que fará o empréstimo.

Para evitar cair em golpes é imprescindível que nenhum valor seja pago antes da assinatura do contrato.

Leia também: É preciso pagar taxas ou depósito antecipado para ter Crédito Consignado?

Como mencionado antes, existem variações nas normas internas de cada instituição financeira, mas a cobrança antecipada é proibida. Seja qual for o banco escolhido.

Caso o tomador sinta-se inseguro ou desconfiado é indicado pesquisar na internet sobre a reputação da instituição. 

Em caso de denúncias, estas podem ser feitas no PROCON ou até mesmo no Banco Central.

9 – Fornecer dados pessoais sem se certificar da segurança

Exatamente pelo mesmo motivo anterior, a recomendação de segurança é para que os Aposentados ou Pensionistas INSS, Funcionários Públicos e de empresas privadas, não passem seus dados pessoais antes de conhecer a empresa que fornecerá o crédito.

É importante ficar atento principalmente as promessas exageradas, anúncios presos em postes na rua.

Para conseguir um empréstimo consignado rápido e seguro, é necessário contatar um banco ou instituição financeira de sua confiança.

Beneficiários INSS só podem contratar em instituições credenciadas e autorizadas pelo Banco Central e Previdência Social.

Leia também: Bancos autorizados a fazer Empréstimo Consignado INSS

Todos os sites que fazem esse serviço, devem oferecer também ambientes virtuais de segurança para os consumidores. 

Então, como contratar um Empréstimo Consignado com segurança?

Quando for contratar um empréstimo consignado, se atente para essas recomendações. É possível obter um ou mais empréstimos de forma segura, sem nenhum tipo de problema, desde a simulação até a libração do crédito.

Buscar por bancos e empresas de confiança, quando o assunto é empréstimo, nunca é demais! 

E para facilitar esse trabalho, você pode pesquisar e simular sua proposta nos melhores bancos do país. Com alguns cliques, você já estará muito mais próximo do dinheiro que precisa, sem abrir mão da tranquilidade.

 

Quer fazer um empréstimo consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o consignado que você está precisando! Compare propostas de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu consignado

O que NÃO fazer quando for contratar um Empréstimo Consignado

Posts recomendados