Para fazer um Empréstimo Consignado é preciso ter score de crédito?

score de crédito empréstimo consignado

Para solicitar um empréstimo, uma das exigências mais comuns é o score de crédito. Mas isso não se aplica no caso do empréstimo consignado, a modalidade em que as parcelas são descontadas automaticamente da folha de pagamento ou benefício INSS.

Entenda como a análise do empréstimo consignado é realizada e saiba como aumentar as chances de ser aprovado, mesmo que tenha score baixo!

Empréstimo Consignado e Score de Crédito

Os critérios para contratação do empréstimo consignado são diferentes dos solicitados por outros tipos de empréstimo pessoal.Conhecido como um dos empréstimos menos burocráticos,o consignado leva em consideração especialmente: a categoria do solicitante e a disponibilidade da margem consignável.

Leia tambémO que é avaliado na análise de crédito do Empréstimo Consignado?

Essa alternativa de crédito está disponível para Beneficiários INSS (Aposentados e Pensionistas), Servidores Públicos (Federais, Estaduais e Municipais) e também Trabalhadores com carteira assinada.

Já a margem consignável pode ser entendida como o limite mensal que pode ser comprometido com esse tipo de empréstimo. Esse valor é de 35%, calculado sobre a renda líquida, ou seja, já sem os demais descontos e é dividido em:

  • 30% para empréstimos: pagamento da(s) parcela(s) do(s) contrato(s) vigente(s);
  • 5% para cartão consignado: amortização das despesas com o cartão (fatura ou saque).

Outro ponto importante é que as empresas ou instituições pagadoras precisam ter convênios com os bancos de interesse. É dessa forma que o contrato pode ser averbado e o pagamento repassado diretamente para o banco, todo mês.

Por outro lado, geralmente os demais empréstimos tem como um dos principais critérios o score. O score de crédito é uma pontuação (de 0 a 1.000) que determina o perfil pagador dos consumidores. Em outras palavras, mede o risco da inadimplência e, portanto, impacta diretamente na liberação de crédito.

Sendo assim, quanto maior o score maior a chance de ter o empréstimo aprovado. Quanto mais baixo, maior a chance de ser reprovado.

Diferenças entre a Margem Consignável e o Score de Crédito

A base de cálculo da margem consignável é a renda líquida mensal. Para saber a renda líquida, basta considerar a receita bruta e deduzir todos os descontos compulsórios (e obrigatórios) e facultativos (como é o caso do empréstimo ou cartão consignado).

Exemplo:

Se um Servidor tem renda Bruta de R$5.000,00 e deduções totais de R$500,00, terá uma renda líquida de R$4.500,00. A margem consignável total de R$1.575 (35%) ou R$1.350 para empréstimo e R$225 para cartão.

Vale lembrar, no entanto, que a margem para cartão é exclusiva e só pode ser utilizada para este fim. A margem para empréstimo pode ser utilizada ao mesmo tempo que a de cartão.

Atingindo o limite dos 35%, não é possível contratar mais nenhum empréstimo ou cartão. As alternativas para esse caso são o refinanciamento ou a portabilidade de crédito.

Mesmo quem está negativo pode contratar um empréstimo consignado. Para isso, basta ter margem disponível. Não há consulta ao SPC ou Serasa.

O cálculo do score avalia diversos fatores. Entre os mais comuns, estão os dados pessoais e os históricos financeiros. Informações como idade e endereço, por exemplo, podem influenciar no limite de crédito aprovado ou até mesmo na aprovação.

Históricos de inadimplência contam como um fator negativo, muitas vezes, fazendo com que o índice seja menor. Quem contrata muito crédito também pode ter um novo empréstimo negado. Isso ocorre, porque os bancos podem entender que há um descontrole financeiro.

Enquanto o consignado está diretamente associado à disponibilidade de uma renda fixa e garantida, no caso do empréstimo pessoal não consignado existem inúmeras variáveis.

Uma dica para aumentar o score de crédito é manter as contas em dia. Para quem já tem um consignado é ficar de olho na margem disponível.

Quem tem score baixo, pode contratar um consignado?

Meu score é baixo. Consigo fazer um empréstimo consignado?

Sim. Atendendo aos critérios mínimos de qualificação, Aposentados e Pensionistas INSS, Servidores Públicos e Trabalhadores com carteira assinada, podem contratar um empréstimo consignado.

Além disso, mesmo quem ainda está negativado ou com o nome sujo, pode obter esse tipo de crédito. Essa facilidade pode inclusive ajudar a quitar os débitos pendentes.

Leia tambémComo usar o Crédito Consignado para saldar dívidas mais caras?

Entre algumas das vantagens dessa modalidade estão: 

  • Taxas de juros mais baratas;
  • Crédito liberado sem burocracia;
  • Empréstimo liberado para negativados, sem consulta ao SPC ou Serasa;
  • Prazos de até 96 meses para pagamento;
  • Pagamento automático, com desconto em folha de pagamento;
  • Margem adicional de 5% para cartão consignado.

Mesmo que se trate de um empréstimo mais acessível, todo empréstimo deve ser planejado. Vale lembrar que a renda ficará comprometida pelo tempo em que durar o contrato. Estando com a margem comprometida, também não é possível contratar novo crédito. Assim, a recomendação é utilizar o crédito com consciência.

Sabendo utilizar, o empréstimo consignado pode ser um importante aliado financeiro. Simule e confira as opções disponíveis para você!

Quer fazer um empréstimo consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o consignado que você está precisando! Compare propostas de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu consignado

Para fazer um Empréstimo Consignado é preciso ter score de crédito?

Posts recomendados