7 sinais de que você NÃO precisa fazer um Empréstimo Consignado

sinais de que você não precisa fazer um empréstimo consignado

Ainda em dúvida se você deve ou se, realmente não precisa fazer um empréstimo consignado? Então, nós te ajudamos. É isso mesmo. Você não leu errado! 

Veja agora os 7 sinais de que você NÃO precisa fazer um empréstimo pessoal.

Sinal 1: você conseguiu renegociar a dívida

Geralmente, boa parte das pessoas que solicitam um empréstimo precisam de dinheiro para pagar dívidas. Mas, ao contrário do que muitos pensam, às vezes não é necessário fazer um empréstimo pessoal.

Isso pode ocorrer, por exemplo, quando a dívida é renegociada. Ou seja, o credor disponibiliza outras condições para quitação.

Leia tambémComo renegociar dívidas mais caras com os bancos?

Quando há apenas parte do débito aberto, é possível fazer um acordo onde, o débito é quitado junto à parcela, prestação ou mensalidade atual.

Dessa forma, o dinheiro que seria pago por um empréstimo, pode ser utilizado para saldar o débito devido.

Sinal 2: você não tem um motivo claro para usar o dinheiro

Acredite: quando não há um objetivo claro para uso do dinheiro, um empréstimo pode não ser a melhor solução.

Dinheiro extra pode ser um problema, se não for utilizado estrategicamente. Além disso, tanto o limite de crédito quanto o seu orçamento podem ser prejudicados.

Fazer um empréstimo consignado exige planejamento. Saber quanto irá pedir, qual o valor da margem consignável disponível, simular o valor da parcela e prazos. Nada disso pode ser esquecido. 

Sinal 3: você não tem uma emergência

Parece até estranho mas, se não há uma emergência financeira o empréstimo consignado também pode não ser necessário. 

Mas, então quer dizer que o empréstimo consignado só deve ser contratado quando há uma urgência?

Não. Isso apenas exemplifica que um caso comum em que as pessoas recorrem a um empréstimo, mas não é o único motivo.

Ter acesso a dinheiro é sempre bom, mas melhor ainda é tê-lo disponível quando realmente for prioritário. Se não tem urgência pelo dinheiro, deixe-o reservado para quando precisar.

Sinal 4: você adiou os planos

A viagem foi remarcada para outra data? O curso fora do país só será realizado no próximo ano? A reforma da casa não começará nesse mês? Então, prorrogue também o pedido do seu empréstimo consignado.

Hoje com a facilidade de poder contratar o empréstimo consignado online, o dinheiro é liberado na conta muito mais rápido. Ou seja, não há porque se preocupar em relação aos prazos para liberação do crédito.

Outro benefício é que as condições e taxas de juros do consignado serão sempre mais baratas que às demais modalidades de crédito. Assim, contratar agora ou quando decidir, trará economia da mesma forma.

Sinal 5: você teve um imprevisto financeiro

Quem nunca esqueceu de pagar uma conta? É o boleto que não chegou ou que passou do prazo, quando o valor que deveria ser recebido não caiu na conta… diversos motivos podem levar a um imprevisto financeiro.

Na verdade, essas situações podem ser consideradas como um “desencaixe financeiro”. Isso ocorre quando o valor gasto é maior que o disponível, por exemplo.

No entanto, nem sempre o mais recomendável é buscar por um empréstimo diante desse cenário. Um simples ajuste no orçamento já pode resolver.

Economizar nas compras do mês, evitar as compras por impulso, gastar menos no cartão de crédito. Tudo isso pode contribuir para ter o valor necessário.

Se as contas apertaram, não se desespere. Você não precisa fazer um Empréstimo Consignado, todas às vezes que isso ocorrer!

Sinal 6: você conseguiu dinheiro de outra forma

Não precisar fazer um empréstimo pessoal é o melhor dos mundos! Não ter uma nova dívida para pagar e ainda poder utilizar esse dinheiro para outro objetivo, parece perfeito, não é mesmo?

Dependendo do caso, é possível conseguir dinheiro com pessoas mais próximas, resgatar de investimentos, acionar a reserva financeira.

Antes de fazer um empréstimo, avalie se você não pode ter o montante de outra forma. Faça o cálculo do quanto precisa e, se possível, busque alternativas ou planeje-se para conseguí-lo. 

Sinal 7: você pode contar com o 13º salário ou gratificações

Tanto Aposentados e Pensionistas INSS quanto Servidores Públicos e Trabalhadores CLT contam com o 13º salário garantido por lei. O que irá mudar, obviamente, é o valor recebido.

Outra possibilidade são as gratificações financeiras, válida somente para os dois últimos grupos e sujeito a diversas condições pré-estabelecidas pelo órgão ou empresa pagadora.

Mas uma coisa é certa: se pode esperar para contar com esse dinheiro, melhor. Apesar de ser um recurso adicional e variável, é uma excelente alternativa.

Então, se o seu plano pode esperar essa “renda” ou recurso adicional, você certamente não precisa fazer um empréstimo consignado. Exceto, é claro, se o valor não for suficiente.

Mas, ainda assim, vale repensar a necessidade de fazer o empréstimo. Utilize o crédito de forma consciente.

O que é Crédito consciente?

O Crédito Consciente pode ser entendido como o uso planejado e estratégico do crédito disponível, com o objetivo de reduzir ou evitar o endividamento.
O cuidado está em contrair essa dívida, quando for realmente necessária. Outras dicas são avaliar as modalidades de crédito. Pesquisar e comparar as opções, pode ajudar a economizar dinheiro.
Ao buscar um crédito verifique também as condições de pagamento e implicações em caso de inadimplência. Quando fizer o empréstimo, inclua a prestação em seu orçamento. Assim, ficará mais fácil visualizar o valor a ser pago.

Se bem utilizado, um empréstimo pode contribuir para atingir determinado objetivo, por exemplo. Na dúvida, faça o teste e descubra quais sinais podem indicar que você não precisa fazer um empréstimo.

Quer fazer um empréstimo consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o consignado que você está precisando! Compare propostas de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu consignado

7 sinais de que você NÃO precisa fazer um Empréstimo Consignado

Posts recomendados