Veja todas as últimas notícias sobre o empréstimo consignado em 2022

bxblue-ultimas-noticias-sobre-o-emprestimo-consignado

Publicado em: 11/01/2022

O ano já começou movimentado para o mercado de empréstimo consignado. Fique por dentro das novidades com as últimas notícias sobre o empréstimo consignado em 2022, listadas mais adiante.

As informações são voltadas para aposentados, pensionistas e servidores públicos e envolvem temas como margem consignável, teto de juros, IOF e projetos em andamento. Continue a leitura para saber mais.

Últimas notícias sobre o empréstimo consignado 2022

Quais as últimas notícias do empréstimo consignado?

Já é possível dizer que o ano de 2022 trouxe mudanças ao consignado e boa parte delas dizem respeito ao fim do prazo de medidas temporárias, adotadas em decorrência do agravamento da pandemia.

Em meio a este contexto de alterações, a bxblue destaca:

  1. Fim da margem emergencial;
  2. Reajuste do IOF;
  3. Carência de 120 dias deixa de valer;
  4. Possibilidade de redução do prazo para pagamento de consignado INSS;
  5. Aumento da Selic;
  6. Dois anos da Autorregulação do Crédito Consignado.

Veja os detalhes e se atualize sobre o que é mais relevante em poucos minutos.

1. Fim da margem emergencial

Entre março e dezembro de 2021, os grupos aptos para contratar consignado tiveram um aumento de 5% na margem consignável, que passou de 35% para 40%. Desse total, 5% eram exclusivos para operações com cartão de crédito consignado.

O aumento foi instituído pela Lei 14.131/2021, devido ao agravamento da situação econômica frente à pandemia, que também impôs uma data-limite para a margem emergencial: 31 de dezembro de 2021.

Sendo assim, desde o dia 1º de janeiro de 2022, servidores públicos ativos, inativos e pensionistas; aposentados e pensionistas do INSS; trabalhadores com carteira assinada; militares das Forças Armadas, dos estados e do Distrito Federal e inativos e empregados públicos da administração direta, autárquica e fundacional, voltaram a ter a margem de 35% (30% para empréstimo consignado e 5% para cartão consignado).


2. Carência de 120 dias deixa de valer

Além de estabelecer a margem emergencial de 40%, a Lei 14.131/2021 também abriu a possibilidade de suspensão do pagamento do consignado por até 120 dias para novos contratos, com a permanência de juros e encargos.

A medida, que foi facultativa aos bancos, também deixou de valer com o término da validade da legislação, isto é, no dia 1º de janeiro de 2022.

3. Reajuste do IOF

Em setembro de 2021 o governo federal anunciou o aumento temporário do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras), que recai sobre o consignado, para custear o Auxílio Brasil. A medida previa o aumento até o dia 31 de dezembro de 2021.

Desde o início deste ano, pessoas físicas deixam de pagar 0,01118% de alíquota diária no consignado e passam a pagar 0,0082%. 

Para as pessoas jurídicas, a mudança foi de 0,00559% para 0,0041%.

4. Possibilidade de redução do prazo para pagamento de consignado INSS;

O prazo para pagamento de empréstimos do convênio INSS está entre as alterações feitas no consignado durante a pandemia. 

Com a mudança, a mesma que alterou o teto de juros, os aposentados e pensionistas do INSS passaram a poder parcelar a dívida em até 84 meses, ou 7 anos.

No final de 2021, porém, o INSS aumentou novamente o limite de juros para os segurados, após uma recomendação emitida pelo CNPS (Conselho Nacional de Previdência Social).

Fato é que o Conselho também sugeriu, na mesma recomendação para o aumento do teto, a revogação do prazo estendido para pagamento, retornando, assim, aos 72 meses anteriores.

Apesar da Instrução Normativa 125/2021 tratar apenas do teto do juros e deixar de fora o período de pagamento, existe a possibilidade do anúncio sobre a redução do prazo ser feito nas próximas semanas.

Alguns veículos de comunicação já divulgaram a mudança. No entanto, diversos bancos seguem com o prazo máximo de 7 anos, inclusive os parceiros da bxblue. Esse é um forte indício de que a alteração ainda não foi feita oficialmente.

É válido destacar que o INSS ainda tem a opção de não acatar essa recomendação do CNPS. Em função disso, os interessados devem ficar atentos às atualizações sobre o tema. Inscreva-se newsletter da bxblue para receber as informações em primeira mão:

Inscreva-se para receber conteúdos exclusivos sobre empréstimo consignado
Erro ao enviar, tente novamente.

5. Aumento da Selic

A última reunião do Copom (Comitê de Política Monetária) aumentou a taxa Selic para 9,25% ao ano. 

A expectativa para este ano, com base no relatório emitido logo após o término da reunião, é que a taxa básica de juros chegue a dois dígitos.

De acordo com as projeções do Copom presentes na nota, a Selic deve atingir 11,75% a.a. ao longo de 2022 e encerrar o ano em 11,25%.

Por ser considerada a taxa mãe, uma vez que serve como parâmetro para os juros de diferentes operações financeiras, a Selic também impacta diretamente no preço do empréstimo consignado.

Na prática, quando a taxa básica de juros sobe, a taxa de juros do consignado também passa por acréscimos. Portanto, este é o momento ideal para quem precisa de dinheiro extra e deseja contratar consignado, afinal, a próxima reunião está agendada para os dias 01/02 e 02/02.

6. Dois anos da Autorregulação do Crédito Consignado

Criada em fevereiro de 2020, a autorregulação do crédito consignado surgiu para trazer mais segurança e transparência ao mercado. Já nos primeiros meses a iniciativa trouxe resultados significativos.

Desde então, os cidadãos podem bloquear ligações indesejadas de oferta de crédito, consultar o ranking de correspondentes bancários e o nível da qualidade dos serviços, registrar reclamações e acompanhar os protocolos online.

A aplicação das regras, assim como a fiscalização, endureceram com o objetivo de coibir práticas abusivas e o assédio das vendas pelas instituições financeiras e/ou correspondentes.

O que mudou no empréstimo consignado em 2022?

Veja quais foram as principais mudanças no consignado até o momento:

  • retorno da margem emergencial de 35%;
  • fim do aumento do IOF;
  • fim da carência de 120 dias.

Confira: O décimo quarto salário para aposentados INSS foi aprovado?

Como receber as últimas notícias sobre o empréstimo consignado diariamente?

Para acompanhar ou receber as últimas notícias sobre o empréstimo consignado e a cobertura que fazemos por aqui você pode:


Saiba tudo de empréstimo consignado e confira dicas para organizar sua vida financeira no canal da bxblue no YouTube: inscreva-se gratuitamente aqui.