Por que os juros do Cartão de Crédito Consignado são menores?

bxblue-por-que-os-juros-do-cartao-de-credito-consignado-sao-menores

A consignação de crédito oferece hoje as menores taxas de juros em cartão de crédito. Contudo, esta opção está disponível somente para algumas categorias de clientes.

A saber, têm direito ao crédito consignado os Aposentados e Pensionistas do INSS e Servidores Públicos. Assim como os Militares das Forças Armadas e alguns Trabalhadores do setor privado.

O principal benefício de se contratar um empréstimo ou cartão de crédito consignado são as taxas de juros. Estas são bem inferiores, se comparadas ao demais linhas de crédito disponíveis no mercado.

Agora, se você quer descobrir porque as taxas de juros do cartão de crédito são menores aproveite para tirar essa dúvida. Você vai compreender como todas as vantagens desta modalidade partem da forma de pagamento.

3 motivos para os juros do Cartão de Crédito serem menores

A melhor maneira de entender como os juros do cartão de crédito consignado são menores é comparando-os a um cartão de crédito convencional.  Em um cartão de crédito comum, de qualquer bandeira, o cliente chega a pagar 333,9% de juros ao ano.

Já no cartão de crédito consignado os juros ficam em torno de 36% ao ano. Ou seja, os juros do cartão consignado são quase dez vezes menores que dos demais cartões de crédito.

Isso acontece porque o cartão de crédito consignado tem uma parte de suas faturas que são pagas automaticamente.

Tal medida reduz o risco de inadimplência e endividamento dos clientes e, é claro, dá maior garantia aos bancos. Assim sendo, as Instituições Financeiras podem cobrar taxas de juros menores. Confira em detalhes, como essa opção funciona.

1 – Desconto da fatura em folha de pagamento

O cartão de crédito consignado, assim como o empréstimo consignado, tem seus pagamentos realizados por meio de desconto em folha de pagamento. Mas, para compreender como isso funciona, primeiro é necessário conhecer o que é a margem consignável.

A margem consignável é o limite que cada cliente deve seguir na hora de contratar  um empréstimo ou um cartão de crédito consignado. Essa margem estipula que 35% do salário ou benefício líquido de cada interessado podem ser usados para a consignação de crédito.

Ou seja, há um teto de gastos diferente para cada pessoa. E, dentro dessa margem, há uma segunda divisão. Qualquer pessoa, estando dentro de um dos grupos elegíveis, pode comprometer 30% de seu pagamento com empréstimos consignados e 5% são destinados ao cartão de crédito consignado.

O valor de 5% do pagamento do titular do cartão equivale a margem consignável. E, por regra, essa margem é o pagamento mínimo do cartão que é descontado direto do contracheque, aposentadoria ou pensão. Mas isso não quer dizer que este seja o limite do cartão.

O limite total de gastos no cartão de crédito depende sim da margem consignável de cada cliente. Contudo, este varia de acordo com o convênio e idade de cada um. Assim como varia também, em relação ao prazo de pagamento.

2 – Pagamento mínimo descontado automaticamente

Os 5% da margem consignável equivalem ao pagamento mínimo do cartão de crédito debitado automaticamente. Este é um dos grandes responsáveis pelos juros do cartão consignado serem mais baixos.

Vale a ressalva de que este valor pode não coincidir com o valor mínimo da fatura, ou seja, daquilo que efetivamente foi gasto.

Todos os meses em que o titular utiliza seu cartão o pagamento mínimo é descontado automaticamente. Assim como acontece com um empréstimo consignado. Ou seja, o pagamento mínimo da fatura é sempre garantido para o banco.

O órgão ou empresa onde o cliente trabalha, que é responsável pelos descontos, paga o valor mínimo de toda fatura via consignação em folha de pagamento e repasse direto para o banco.

Assim, se o cliente gasta menos que o valor mínimo é descontado somente o que foi gasto.

Já se é gasto além do mínimo, o titular do cartão torna-se responsável pela quitação do valor excedente, como uma fatura de cartão de crédito comum. 

Se o valor não for quitado, é adicionado ao saldo devedor e será acrescentado a fatura do mês anterior. Portanto, neste caso, a fatura entra no rotativo do cartão de crédito.

Os juros do crédito rotativo do cartão consignado também são menores, se comparados ao cartão tradicional. 

3 – Menor chance de inadimplência

Como os bancos recebem o pagamento mínimo antecipadamente, o risco da inadimplência também é reduzido. Em contrapartida, como já mencionado, isso se torna um dos fatores suficiente para que os juros do cartão de crédito consignado sejam menores.

Ou seja, o pagamento por meio de desconto automático reduz as chances de inadimplência uma vez que o cliente sabe que parte de sua fatura estará quitada de qualquer forma.

Aliás, vale destacar que quem gasta sempre menos que o pagamento mínimo nem precisa se preocupar em pagar qualquer fatura.

Tipos de juros cobrados no Cartão de Crédito Consignado

Assim como qualquer cartão, o cartão de crédito consignado cobra taxas de juros normalmente. Porém, os valores são bastante distintos do que normalmente é praticado no mercado.

Saiba quais são os tipos de juros cobrados no cartão de crédito consignado.

Juros da fatura normal

Os juros normais da fatura são aqueles cobrados quando o titular opta por parcelar uma compra. Funciona como uma compra parcelada qualquer em que uma taxa adicional é cobrada todos os meses, enquanto o parcelamento durar.

Embora muitas pessoas não considerem, o cartão de crédito é tido como um “empréstimo”. Os bancos emprestam o valor e quitam as compras à vista.

Por outro lado, oferecem prazo para quitação deste empréstimo ao titular da dívida, que paga o valor original acrescido dos juros por este serviço.

Juros do crédito rotativo

Já os juros do crédito rotativo são cobrados quando um cliente deixa de quitar totalmente sua fatura do cartão de crédito. Ou seja, quando uma dívida não é paga em seu mês vigente e entra no crédito rotativo (adicional).

Para exemplificar, o cliente paga automaticamente o valor mínimo de fatura. Contudo, o que foi gasto além do valor mínimo precisa ser quitado pelo próprio usuário, por meio de fatura, boleto ou outra forma de pagamento.

Caso o cliente não pague esse valor acima do valor mínimo automático, tal montante entra para o crédito rotativo. E, no próximo mês, esse débito volta acrescido da taxa de juros, na próxima fatura.

Vantagens do Cartão de Crédito Consignado

O cartão de crédito consignado oferece diversas vantagens aos seus usuários. O pagamento automático do valor mínimo da fatura é somente o ponto de partida para os demais benefícios.

Taxas de juros menor

Tanto o crédito normal, quanto o do crédito rotativo são bem abaixo dos valores comumente cobrados, no caso dos outros cartões.

Vale a ressalva de que quanto maior o risco de uma operação, maior a taxa de juros cobrado. Por isso, tido como um empréstimo de menor risco, o cartão consignado tem seus juros menores.

Não é necessário ter conta bancária

O cartão de crédito consignado pode ser solicitado em qualquer instituição financeira que ofereça o produto.

Dessa forma, tanto Aposentados, Pensionistas, Servidores Públicos, Militares e Trabalhadores CLT que, ainda não tenham um cartão, ou seja, que tenham margem disponível, podem adquirir o cartão de crédito consignado.

Cada cliente tem direito a somente um cartão de crédito consignado, independentemente de sua margem consignável.

A vantagem em não ser correntista de um banco específico para ter acesso a esse crédito, é poder comparar as ofertas para decidir qual é a melhor.

Assim, é possível comparar taxas de juros do cartão, facilidades e outros benefícios de diversos bancos, bandeiras, dentre outros.

Crédito liberado para negativados

Como o pagamento mínimo é garantido e o cliente é conveniado ao banco, por meio de um órgão público ou empresa privada, não há necessidade de análise de crédito. Sendo assim, não é feita nenhuma consulta ao SPC ou Serasa para liberação deste cartão.

Por isso o cartão de crédito consignado é liberado mesmo para quem está negativado. Os pré-requisitos, neste caso, são os mesmos de um empréstimo: estar nas categorias elegíveis, estar no limite de idade permitido e ter margem consignável de 5% disponível. 

Além disso, é preciso comprovar o valor da renda e sua estabilidade – o que pode ser feito com a apresentação do contracheque atualizado, extrato da aposentadoria ou pensão INSS ou extrato bancário.

Onde e como solicitar o seu Cartão de Crédito Consignado?

Solicitar um cartão de crédito consignado é um bem fácil. Todo o processo pode ser feito online, sem burocracia e em poucos cliques.

E, para encontrar a melhor opção de cartão o primeiro passo é realizar uma simulação de crédito online.

O simulador permite que diversos produtos sejam analisados ao mesmo tempo. Assim, é possível comparar taxas de juros, prazos de pagamentos e diversas outras condições que variam de acordo com a política de crédito de cada banco.

Os juros do cartão de crédito consignado, portanto, são dos mais baixos que existem hoje no mercado quando se fala em cartão de crédito. Portanto, esse cartão pode ser bastante interessante para se realizar compras parceladas ou o pagamento de outras dívidas mais caras.

Agora você já compreendeu porque os juros do cartão de crédito consignado são mais baixos. Portanto, chegou a hora de escolher o cartão que melhor se encaixa no seu bolso. Para isso, use o simulador de crédito consignado online e acesse propostas personalizadas.

 

Quer fazer um cartão de crédito consignado?

A bxblue pode te ajudar a contratar o cartão de crédito consignado que você está precisando! Compare propostas de cartão de crédito consignado de diferentes bancos e escolha a melhor para você.

Simule seu cartão de crédito consignado

Por que os juros do Cartão de Crédito Consignado são menores?

Posts recomendados